Está em busca de uma opção moderna e diferente para a decoração da sua casa? Os quadros vivos são uma belíssima alternativa para decoração de ambientes internos e, por ainda não serem tão popularizados, irão oferecer a sua residência um aspecto único e contemporâneo.

Quadros-Vivos: Palmeira Ornamental | Decoração Ideal

Perguntas frequentes – Quadros Vivos

Caso você ainda não conheça o que são os quadros vivos e como eles podem ser usados na sua casa, vamos responder algumas perguntas frequentes sobre o tema.

O que é um quadro vivo?

Os quadros vivos são quase como jardins verticais, mas mais sofisticados. Eles permitem inserir diversas plantas em uma espécie de moldura, voltada o paisagismo, para decorar ambientes internos e externos. Assim, você terá algo semelhante a um quadro, no entanto com várias plantas “escapando” pela moldura.

Quadros-Vivos: Item decorativo de sucesso | Decoração Ideal

Qual é a melhor opção de tamanho?

Os quadros vivos podem ser usados em todos os tamanhos, desde para compor um cenário de toda uma parede até ter seu tamanho limitado a um espaço que seria realmente destinado a um quadro de tamanho pequeno ou médio. Ele pode ser usado para verticalmente, em retângulo comprido, formato circular, entre outros. A escolha fica mesmo a cargo da paisagista e do cliente que podem selecionar o melhor formato para as suas necessidades.

Em quais ambientes eles são mais adequados?

Eles podem ser usados em ambientes residenciais como uma sala, cozinha, quarto, varanda e outros espaços da casa ou mesmo em espaços corporativos, como na recepção de uma empresa, na sala de reuniões, no banheiro. Existem várias opções de onde os quadros vivos podem ser inseridos sem perder o charme, o único detalhe é ficar atento que este item decorativo combine com os demais que já estão no local.

Quadros-Vivos: Seu espaço ao estilo natural | Decoração Ideal

Quais espécies podem compor meu quadro vivo?

Entre as plantas mais usadas para compor os quadros vivos estão samambaias, asplênio, bromélias, flor de maio, aspargo, antúrio, filodendros, clorofitos, chifre de veado, véu de noiva, suculentas e outras. Além de poder escolher as plantas que vão ficar dentro do quadro, é interessante pensar quais outros elementos naturais estarão presentes, como uma palmeira ornamental, que pode ficar em um vaso e dar ainda mais charme ao local.

O ideal é utilizar plantas perenes para evitar manutenção constante, como as de raízes mais superficiais, plantas prostradas e arqueadas, que tenham uma folhagem mais cheia e portanto, não deixem a estrutura do quadro aparecendo.

O uso de plantas para compor decoração interna e externa tem se somado as novas práticas do paisagismo que agrega mais beleza e bem-estar aos ambientes. Usar plantas para decorar esses espaços não irá oferecer apenas uma decoração única, mas também purificação do ar e conforto térmico.

Confira uma matéria da TV Cultura para entender melhor como cuidar do seu quadro vivo:

Post Colaborativo Raízes Marambaia

Deixe seu Comentário

Comentários