Tradicionalmente, utilizamos árvores de Natal artificiais no Brasil. Isso porque não era comum encontrar pinheiros para usar na decoração nesta época do ano, visto o calor proporcionado pelo verão. No entanto, isso mudou muito e não é nada difícil encontrar um pinheiro natural para usar na decoração de Natal. Então, como escolher a árvore de Natal certa?

Prós e contras de árvores de natal natural e artificialFonte: Robeson Design.

Natural ou artificial, ambas oferecem prós e contras. O que complica muito a escolha é que ambas ficam lindas na decoração de Natal e dão muita vida a casa. Veja esta pequena lista sobre árvores de Natal reais e artificiais e descubra qual a melhor opção para sua casa:

Árvore artificial

Prós:

  • O clima econômico atual favorece o uso de árvores artificiais, pois elas podem ser reaproveitadas por muito anos. Se você já tiver uma árvore de Natal de anos anteriores, basta usá-la novamente;
  • Você pode realocar a árvore artificial em diversos espaços da casa. Afinal, ela é bastante leve e versátil, feita para atender qualquer necessidade decorativa;
  • Armazenar uma árvore artificial é muito mais fácil do que uma árvore real e a tendência é que ela quase não suje o espaço. Quando as festas passarem, basta colocar a árvore de volta na caixa e guardar;
  • É possível achar árvores de Natal artificiais de várias cores, tamanhos e modelos, inclusive com luzes embutidas, o que facilita muito sua decoração e na hora de combiná-la com a casa. Quem gosta de árvores tradicionais pode escolher uma verde. Já quem prefere algo diferente pode usar uma árvore branca, vermelha ou até cor de rosa.

Como escolher a árvore de natalFonte: Tobi Fairley Interior Design.

Contras:

  • A maioria das árvores artificiais são fabricadas com PVC, um plástico que não é biodegradável. Ou seja, não só a fabricação das árvores polui a camada de ozônio como também elas podem acabar poluindo ainda mais a natureza se não forem descartadas de forma correta;
  • Aproximadamente 85% das árvores artificiais são fabricadas na China, o que não movimenta o comércio local;
  • Árvores artificiais não tem fragrância;
  • Algumas árvores artificiais podem custar bem caro.

Árvore natural

Prós:

  • Muita gente, principalmente quem já morou fora, tem um certo apego nostálgico aos pinheiros naturais, muito utilizados como árvores de Natal em países como Estados Unidos, Canadá e Inglaterra;
  • Ter um pinheiro natural em casa traz um pouco da natureza para dentro da residência, dando mais alegria e cor ao espaço;
  • O cheiro do pinheiro natural é uma delícia e deixa a casa toda com um cheiro bem diferente, que combina muito com o clima festivo do Natal e do Ano Novo.

Natural ou artificial: como escolher a árvore de Natal certaFonte: Louise de Miranda.

Contras:

  • Ter um pinheiro natural dentro de casa pode significar um pouco mais de trabalho com limpeza. Afinal, a tendência é que ela perca folhas e acabe sujando a casa;
  • Um pinheiro natural exige os mesmos cuidados que qualquer outra planta que você possui em casa, com o agravante dela não ser natural do Brasil e tão pouco se dar bem num clima tão quente. Ou seja, ao adquirir um pinheiro natural, é provável que você precise dar uma atenção especial a ele em questões como poda e rega;
  • Pinheiros naturais podem ser tóxicos para animais domésticos, principalmente quando eles ingerem partes das folhas;
  • A durabilidade de um pinheiro natural é bem inferior a de um artificial. Mesmo com todos os cuidados ao cuidar do pinheiro, ele pode vir a secar e morrer, o que exigirá sua substituição.

Agora que você conhece todos os prós e contras tanto de plantas naturais quanto artificiais, fica bem mais fácil escolher a árvore de Natal certa para decorar sua casa para datas tão especiais, como é o caso das festas de final de ano.

Deixe seu Comentário

Comentários